Brasil
Av. Cauaxi 258, Cj. 61

Alphaville

06454-020 Barueri - SP

global@pmhub.biz

T: +55 11 98179 74221797422

Portugal
R. Estrada da Luz 4, 4° B
1600-158 Lisboa
global@pmhub.biz
T: + 351 91044 3265

United Arab Emirates
Office 3030
Detroit House Building
Motor City, Dubai

global@pmhub.biz

T: +971 4 420 0708

Termos de uso

Políticas de Privacidade

Carreiras

Com certificação internacional Agile & Digital HR Expert da EABS

Prof. Pedro M. Martins, Chairman do agileTXlab e PM International Consulting e Dean da Euro American Business School

pedro.martins@alab.biz

A Transformação Digital é provavelmente a mais radical e rápida revolução da humanidade, desde sempre, por isso é a prioridade do momento de empresas de todo o porte, em todo o mundo; só no Brasil prevê-se um investimento em tecnologias de Transformação Digital superior a R$ 250 bilhões até 2021.

 

Mas não podemos confundir digitalização de processos, que é a melhoria de eficiência através da informatização dos atuais processos e modelos de negócio, com a Transformação Digital que são outros processos, outros modelos de gestão, outras organizações, outros modelos de negócios, outra economia, outro tipo de sociedade.

 

Na realidade a Transformação Digital é muito mais que novas tecnologias é uma nova cultura disruptiva, Agile Mindset, sem a qual as novas tecnologias não passarão da simples digitalização de processos com baixo impacto transformador.

Agile Mindset como Cultura Organizacional de Alta Performance

 

Em Fevereiro de 2001, o Tio Bob e 16 profissionais de TI da comunidade Extreme Programming, fizeram história em Snowbird – Utah, ao publicar o Manifesto Agile, que sintetizava em 4 valores e 12 princípios, o que havia de melhor nos métodos leves de desenvolvimento de softwares.

 

O Aglie Mindset é inspirado no Manifesto Agile do Tio Bob, mas hoje é uma nova cultura organizacional presente em todas vertentes da gestão, que valoriza sobretudo a alta performance, alta qualificação, empoderamento, simplicidade e flexibilidade, que se caracteriza por:

  • Priorizar as pessoas e a cadeia de valor do negócio em relação aos processos e ferramentas;

  • Fomentar a diversidade e criar ambientes interativos e colaborativos;

  • Promover a flexibilidade e simplicidade para atender às mudanças frequentes;

  • Segmentar a gestão e o desenvolvimento de projetos em pequenos ciclos com entregas frequentes e rápidas;

  • Promover times de alta performance, multi skill , auto organizados e empoderados;

  • Envolver os clientes em todas as etapas da inovação e execução;

  • Tornar os erros numa oportunidade de aprendizagem compartilhada;

  • Incentivar a inovação e soluções disruptivas;

RH curador da Agile Mindset e pioneiro da Transformação Digital

 

Considerando que o Agile Mindset é uma nova cultura, uma nova organização do trabalho e uma nova liderança, o RH deve ser o curador dessa nova cultura, quem divulga, viabiliza a implementação e preserva os princípios essenciais do Agile Mindset em toda a organização.

 

E como o Agile Mindset é essencial para a Transformação Digital, o RH deve ser também o pioneiro da Transformação Digital da sua própria atividade, reforçando a sua credibilidade de curador pelo exemplo.

As soluções robustas que faltavam para a Transformação Agile e Digital dos Modelos de Negócio e Gestão

 

Muito se tem dito sobre a importância da Transformação Digital (mais de 214 milhões de textos no Google e mais 50 mil títulos de livros na Amazon), mas as metodologias e práticas realmente disruptivas, além da gestão de projetos e do desenvolvimento de softwares, ainda são experimentais e controversas.

 

Por isso os cientistas da Euro American Business School e os consultores da PM International Consulting, referência internacional na maximização da produtividade com 38 anos de atividade em 26 países, e 20 anos de atividade no Brasil, com alguns dos melhores talentos Millennials, criaram o agileTXlad, para oferecer às empresas as soluções robustas que faltavam para a implementação de novos Modelos de Negócio e Gestão específicos da Transformação Agile e Digital.

Aprender o Agile Mindset pela experimentação e implementar de forma rápida e eficaz a Transformação Digital com o agileTXlab

 

O agileTXlab – Laboratório de Transformação Agile é uma organização que desenvolveu e implementa uma metodologia mix de consultoria, treinamento e pesquisa com o mesmo nome, que visa criar dentro das organizações laboratórios para a aprendizagem pela experimentação do Agile Mindset e inovação de novas estratégias, novos modelos de gestão e novos processos, em todas as vertentes da gestão, para a Transformação Digital.

 

Com esta metodologia podemos desenvolver da forma mais eficaz e rápida:

  • Uma nova estratégia global do negócio ou políticas disruptivas de uma unidade de negócio ou de uma área funcional em apenas 3 a 5 dias;

  • Um novo negócio, serviço ou processo, com respetivo software em apenas 3 a 4 semanas (exemplo um novo produto, um novo modelo de gestão de desempenho, uma nova gestão da remuneração, incluindo uma nova descrição e qualificação de cargos, etc.);

  • Quando a inovação consiste na customização de uma metodologia, processo ou ferramenta Agile já existente, a duração de cada agileTXlab se reduz para metade do

tempo (exemplo a customização do nosso modelo de gestão e software MaxiProfit, para a gestão do desempenho do negócio pela gestão de desempenho das pessoas);

Estrutura e funcionamento do agileTXlab

A estrutura e funcionamento do agileTXlab é inspirada no Scrum, metodologia Agile para gestão e planejamento de projetos, realizado fora do ambiente habitual de trabalho e composto por:

  • Squad / Scrum Team -  Equipe multi skill, altamente qualificada, auto organizada e empoderada, composta por 8 a 16 profissionais RH, TI, responsáveis pela estratégia e pelo negócio e clientes internos e externos;

  • Product Owner - responsável pela visão do que vai criar (tipicamente é um cliente ou um consultor), define os requisitos do Product Backlog;

  • Scrum Master - facilitador (tipicamente um RH ou um consultor) que garante a estrutura de processos do laboratório e a consistência do Agile Mindset e da visão do Product Owner;

Metodologia do agileTXlab

 

A metodologia agileTXlab é composta por 3 grandes etapas:

  • Disrupção – Why – porquê inovar;

  • Transformação – What – o que inovar;

  • Execução – How – como inovar;

 

O Modelo e Planejamento da Transformação Agile & Digital do RH

da sua empresa em 5 dias com um Laboratório agileTXlab

 

Etapa da Disrupção

 

Entendemos as motivações e necessidades de inovação do RH, TI, responsáveis pela estratégia e pelo negócio e clientes internos e externos, e definir os desafios a superar com metodologia agileTXlab inspirada no Design Thinking e no Pensamento Lateral.

Identificamos também o valor para o cliente dessa inovação e o mínimo necessário para atender o cliente com metodologia agileTXlab inspirada no Lean e no Canvas.

 

Etapa da Transformação

 

Idealizamos uma solução inovadora e criamos um protótipo da solução para feedback dos clientes com metodologia agileTXlab inspirada no Design Thinking e no Pensamento Lateral.

 

E mapeamos a cadeia de valor da solução com metodologia agileTXlab inspirada no Lean e no Canvas.

Etapa da Execução

 

Testamos o protótipo com os clientes e desenvolvemos o MVP - Minimum Viable Product, que volta a ser testado pelos clientes até ao desenho da solução final com metodologia agileTXlab inspirada no Design Thinking, Lean e no Canvas. 

 

Lean Canvas da Solução

 

A inovação de uma nova estratégia global do negócio ou políticas disruptivas de uma unidade de negócio e a primeira fase da criação de um novo negócio, serviço ou processo, com desenvolvimento ou customização do respetivo software são desenvolvidas nas etapas da Disrupção e Transformação, e tem como output o Lean Canvas dessa solução, que define:

  • Necessidades: Quais são os principais problemas que a solução pretende resolver;

  • Segmentação dos Clientes: Quem são os clientes da solução e como podem ser caracterizados e segmentados;

  • Proposta de Valor Única: Quais são as principais características e fatores de diferenciação da solução que atendem as necessidades e expetativas dos clientes;

  • Solução: Quais são as funcionalidades essenciais do MVP - Minimum Viable Product da solução;

  • Métricas-Chave: Como medir o valor agregado da solução para os clientes;

  • Recursos Tecnológicos: Definição dos recursos tecnológicos exigidos pela solução, como por exemplo, desenvolvimento ou aquisição de software especifico, internet, intranet, mobile, etc;

  • Estrutura de Investimentos: Identificação dos recursos próprios e de mercado necessários para o desenvolvimento da solução, e projeção de custos diretos e indiretos;

  • Fluxos de Desenvolvimento: Projeção do planejamento do desenvolvimento e implementação da solução;

  • Vantagem Injusta: O que torna a solução única e insubstituível;

 

A metodologia agileTXlab se inspira num mix de outras metodologias Agile

 

A metedologia agileTXlab se inspira nas seguintes vertentes de outras metodologias Agile:

  • Design Thinking, para uma abordagem antropocêntrica da inovação, integrando as necessidades de todos os envolvidos, as possibilidades dos recursos tecnológicos e os requisitos para a solução final mais eficaz e satisfatória;

  • Pensamento Lateral de Edward de Bono, para estimular o pensamento crítico e a diversidade de perspectivas de forma inclusiva, na criatividade e inovação;

  •  Lean, para eliminar continuamente desperdícios e resolver problemas de forma sistemática vislumbrando oportunidades de melhoria e ganhos sustentáveis;

  • Kanban e Burndown Chart, formas de registrar as atividades do laboratório com simbologia visual;

  • Canvas, ferramenta de planejamento estratégico e conceptualização da solução;

 

O Scrum do agileTXlab é composto pelos seguintes passos:

  1. Criação do Product Backlog da solução - registro das vertentes do serviço a inovar;

  2. Criação do Release Backlog a partir do Product Backlog - priorização e articulação das vertentes do serviço a inovar;

  3. Criação do Sprint Backlog a partir do Release Backlog / User Story, tarefas e metas a desenvolver num ciclo de do projeto;

  4. Realização de Daily Scrum - Reunião diária, realizada em pé, com a duração máxima de 15 minutos, organizada pelo Scrum Master para monitoramento do progresso do Sprint Backlog;

  5. Next Sprint Meeting – Reunião de avaliação de erros, acertos e resultados da Sprint e planejamento da próxima Sprint;

  6. Criação do Protótipo da solução e teste pelos clientes;

  7. Backlog Grooming – aprimoramento do Product Backlog;

  8. Criação do Minimum Viable Product (MVP) – Versão simples da solução e teste pelos clientes;

  9. Backlog Grooming – aprimoramento do Product Backlog;

  10. Criação do Produto Final

O Kanban e Burndown Chart são utilizados para monitorar:

  • Product Backlog;

  • Release Backlog;

  • Sprint Backlog;

  • Backlog Grooming;

  • Daily Scrum;

  • Next Sprint Meeting;

 

Que permitem:

  • Visualizar o workflow;

  • Limitar a quantidade de trabalho (WIP);

  • Gerenciar e medir o fluxo;

  • Tornar os progressos explícitos;

  • Implementar loops de feedback;

  • Reconhecer oportunidades de melhoria;

 

E o não menos importante, a Transformação Agile e Digital tem resultados exponenciais de curto prazo.